Muita gente se pergunta se investir no mercado brasileiro é diferente de investir no mercado americano. E a mesma pergunta pode ser feita no que diz respeito à operar Opções no exterior.

Batemos um papo com o Doc Trader essa semana, onde conversamos sobre muitos assuntos interessantes. Primeiramente, se você já pensou em operar Opções no exterior, deve saber que existem muito mais ativos disponíveis do que aqui no Brasil.

Além disso, vale ressaltar que a liquidez dos Estados-Unidos é muito mais elevada do que a liquidez do mercado Brasileiro. Portanto, isso traz mais alternativas para estratégias e ativos.

O cenário atual do mercado financeiro

Ademais, conversamos bastante com o Doc sobre o que está acontecendo com várias ações de tecnologia, como a Tesla e a Apple. Essas duas são as atuais queridinhas dos investidores.

A euforia, em conjunto com programas de recompra de ações (no caso da Apple) e novas rodadas de capital (no caso da Tesla) jogam os preços para cima, fugindo de qualquer racionalidade.

A bolsa americana está fazendo nova máxima. E vimos ao longo da história alguns padrões que se repetem, e que podem nos dar sinais do que está por vir. Afinal, quem nunca ouviu falar do caso do engraxate dando dicas de ações á um dos maiores homens de negócios de todos os tempos?

Quando chegamos num topo de mercado, geralmente é o momento de manter a calma para poder ajustar a exposição. Dessa forma podemos nos beneficiar se o mercado continuar a subir e nos proteger se ele cair.

O cenário atual da Economia global

Não dá para falar da Economia global sem pensar nos Estados-Unidos como maior potência do mundo. Tudo o que os Estados-Unidos fazem acaba tendo algum tipo de efeito no resto do Planeta.

Em meados de 2018 o Federal Reserve (banco central americano) buscava uma forma de tirar de circulação o dinheiro que havia sido impresso à partir da crise financeira de 2008.

Ao tentar subir os juros no fim de 2018, o mercado caiu mais de 20%. Isso mostrou que a economia global estava caminhando para a fragilidade e que uma política de austeridade não seria bem recebida.

Portanto, o Federal reserve se viu preso entre o que deve ser feito e o que o mercado quer que seja feito. Daí os grandes programas de estímulos que vieram em meio ao crash de 2020.

O que isso significa para suas operações?

Primeiramente, com os juros baixos é bem provável que o interesse pela renda variável continue crescendo.

Porém, não se sabe até quando a bolsa vai subir. Uma coisa que sabemos de fato é que em algum momento vai ter uma correção (queda). Nada sobe em linha reta.

Portanto é importante sempre ter algum tipo de proteção, seja por meio de caixa ou seja por meio de seguro de carteira (por exemplo, compra de put).

Além disso, sempre que pensar em estratégias de Opções, use o OpLab para fazer as simulações. Afinal, não há nada melhor do que ver o seu payoff de forma dinâmica.

Concluindo, o mais importante é preservar a sua convexidade, independente da nossa vontade. Afinal, como o próprio Doc Trader falou, os maiores erros são fruto das emoções e da psicologia dos investidores.

Artigos relacionados

Acompanhe o blog do OpLab e confira tudo sobre mercado de opções, investimentos e finanças pessoais.